Notícias

Cinema na praça

Cinema na praça

Exibição do documentário “Muito Além do Peso” em praça paulistana levanta debate sobre obesidade infantil com médica especialista em obesidade. 

“A obesidade é um problema muito maior que a desnutrição no Brasil.” Foi com essa fala que a coordenadora do Ambulatório de Obesidade do Hospital da Clínicas da USP, Louise Caminato, começou a falar sobre o problema que o país enfrenta hoje. Uma em cada três crianças no mundo tem obesidade ou sobrepeso e “uma em cada quatro crianças obesas se transforma em um adulto obeso”, explicou a médica.

Esse é o quadro alarmante apresentado no documentário “Muito além do peso”, dirigido por Estela Renner com apoio do Alana. O filme foi exibido na praça Amadeu  Decome, em São Paulo, no dia 28 de abril, como parte do Projeto Cine B, que promove exibições em ambientes públicos.

O público não segurou suas perguntas: são todos os salgadinhos que fazem mal, por que os alimentos têm muito açúcar ou muito sal e assim por diante. O bate-papo com a médica, mediado pelo jornalista Ricardo Ferraz, membro do Movimento Boa Praça, seguiu com dicas de alimentos saudáveis para colocar nas lancheiras infantis e na mesa de almoço. 

Outra questão dos pais preocupados com os hábitos alimentares dos seus filhos foi como trazer alternativas ao consumo de alimentos não saudáveis, quando eles já estão com o paladar acostumado com comidas carregadas de sal, gordura e açúcar. Para a médica, tudo é uma questão de hábito. “No começo, as crianças acham estranho, mas depois, com a introdução de novos alimentos, ela começa a achar graça em outras coisas”, explicou. Assim, elas aprendem a fazer escolhas mais saudáveis e passam a fugir do muito salgado, do muito doce, do artificial.

O documentário “Muito além do peso” mostra dados da obesidade, considerada a maior epidemia infantil da história, e reflete sobre as responsabilidades do estado, família, escola, publicidade e indústria alimentícia. Assista ao documentário na íntegra, gratuitamente

Fotos: CineB

X