Sociedade

Carta-Compromisso Público Publicidade de Bebidas e Alimentos

Carta-Compromisso Público Publicidade de Bebidas e Alimentos

O Instituto Alana, vislumbrando no Compromisso Público formalizado por 24 empresas do setor alimentício perante a Associação Brasileira das Indústrias de Alimentação (ABIA) e a Associação Brasileira de Anunciantes (ABA) sobre publicidade de alimentos e bebidas dirigida às crianças um relevante passo na efetivação dos direitos da infância, enviou, por meio do Projeto Criança e Consumo, carta às 24 empresas signatárias parabenizando-as pela iniciativa.

Receberam a comunicação do Projeto Criança e Consumo as seguintes empresas: Unilever Brasil Ltda. (“Unilever”), Nestlé Brasil Ltda. (“Nestlé”), Arcos Dourados Comércio de Alimentos Ltda. (“Mc’Donalds”), Parmalat S.A. Indústria de Alimentos (“Parmalat”), Pepsico do Brasil Ltda. – Pepsico Alimentos (“Pepsico Alimentos”), Pepsi-Cola Ind. Da Amazônia Ltda. (“Pepsico Bebidas”) , BRF – Brasil Foods S/A (“Perdigão”), Sadia S.A. (“Sadia”), Primo Schincariol Indústria de Cerveja e Refrigerantes S.A. (“Schincariol”), Companhia de Bebidas das Américas (“AMBEV”), Masterfoods Brasil Alimentos Ltda. (“Mars”), Kraft Foods Brasil S.A. (“Kraft Foods”), Kellogg Brasil Ltda. (“Kellogg”), General Mills Brasil Ltda. (“General Mills”), Chocolates Garoto S.A. (“Garoto”), Ferrero do Brasil Indústria Doceira e Alimentar Ltda. (“Ferrero”), Avipal Nordeste S.A. (“Elegê”), Danone Ltda. (“Danone”), Recofarma Indústria Amazonas Ltda. (“Coca-Cola”) Brasil, Cadbury Brasil Comércio de Alimentos Ltda. (“Cadbury”), Burguer King Corporation (“Burguer King”), Bimbo do Brasil Ltda. (“Bimbo”), Venbo Comércio de Alimentos Ltda. (“Bob’s”), BRF – Brasil Foods S.A. (“Batavo”).

No documento encaminhado, o Instituto Alana manifestou sua disponibilidade em contribuir acerca da necessária e importante reflexão sobre o impacto das ações comerciais voltadas ao público infantil, especialmente em razão da necessidade de cada empresa signatária apresentar suas próprias políticas individuais sobre publicidade para crianças, inclusive com os critérios nutricionais adotados “, conforme consta do compromisso público assinado. Com isso, o Instituto Alana pretende que essa iniciativa contemple de fato, em suas políticas individuais, o respeito à condição peculiar do desenvolvimento infantil.

Além de a maioria das empresas não terem respondido ao Instituto Alana, importa observar que das 24 empresas que aderiram ao Compromisso Público proposto pela ABA e pela ABIA, apenas 11 possuem detalhamento de suas propostas no campo da publicidade dirigida a crianças e somente 7 apresentam informações acerca dos critérios nutricionais, de acordo com levantamento realizado pelo Projeto Criança e Consumo nos sites das próprias empresas em agosto/setembro de 2010. A ausência do detalhamento destes compromissos, em particular das especificações nutricionais, inviabiliza o monitoramento de seu cumprimento.

Arquivos Relacionados:

Carta à AMBEV

Carta à Batavo

Carta à Bimbo

Carta ao Bob’s

Carta ao Burguer King

Carta à Cadbury

Carta à Coca-Cola

Carta à Danone

Carta à Elegê

Carta à Ferrero

Carta à Garoto

Carta à General Mills

Carta à Kellogg

Carta à Kraft Foods

Carta à Marsterfoods

Carta ao Mc’Donalds

Carta à Nestlé

Carta à Parmalat

Carta à Pepsico Alimentos

Carta à Pepsico Bebidas

Carta à Perdigão

Carta à Sadia

Carta à Schincariol

Carta à Unilever

Compromisso ABA-ABIA assinado pelas empresas

Publicado em
X