Notícias

Unilever usa parceria com Carreta da Nutrição para anunciar para crianças

Unilever usa parceria com Carreta da Nutrição para anunciar para crianças

Unilever usa parceria com Carreta da Nutrição para anunciar para crianças

Após uma denúncia recebida por e-mail sobre a ação da empresa Unilever na Carreta da Nutrição, que tem como parceiros o Hospital das Clínicas (HC) e o Instituto do Coração (Incor) em 2014, o Projeto Criança e Consumo constatou abusividade na comunicação mercadológica desenvolvida pela empresa. A Unilever se aproveitou da parceria para direcionar publicidade de produtos alimentícios ultraprocessados às crianças. A Carreta da Nutrição percorre diferentes cidades para apresentar o Programa Meu Prato Saudável e a cada edição ela conta com a parceria de empresas. No caso da divulgação do Meu Pratinho Saudável, programa semelhante voltado para crianças e realizado para comemorar o Dia das Crianças, a Unilever utilizou o espaço para promover dois de seus produtos, a bebida a base de soja Ades e a maionese Hellmann’s.

O Criança e Consumo enviou uma carta a empresa E.L.M. Marketing e Editora Medica Ltda. (Latin Med), que tem parceria com a Unilever na ação, ao HC e ao Incor, esclarecendo o trabalho que o projeto realiza em prol das crianças no âmbito do consumo com o objetivo de que a ações publicitárias semelhantes, direcionadas às crianças, não se repitam nas futuras edições da Carreta; e enviar materiais e documentos pertinentes ao tema do consumismo na infância.

Veja mais:
– Crianças como promotoras de venda, não!
– Cosmético não é brincadeira
– Decisão judicial sobre McLanche Feliz ignora direitos da criança

A Carreta da Nutrição, com ações dirigidas às crianças, alegava que seu objetivo era “oferecer informações para o combate à obesidade infantil, por meio da metodologia do programa Meu Pratinho Saudável”. Na carreta as crianças passavam por uma avaliação nutricional, recebiam orientações de como montar pratos saudáveis, e participavam de oficinas de culinária, em que aprendiam duas receitas: arroz cremoso com maionese Hellman’s e vitamina de Ades. Ao final, eram distribuídos kits com os produtos e uma cartilha do programa Meu Pratinho Saudável.

Promover ao público infantil produtos ultraprocessados que, de acordo com informações disponibilizadas no próprio site do Programa Meu Pratinho Saudável, deveriam ser evitados, agrava ainda mais a situação. Além disso, o aprendizado de receitas com esses produtos pode promover uma associação errônea entre seu consumo e a adoção de uma alimentação saudável.

Apesar de a Carreta da Nutrição se apresentar como uma ação educativa, com a finalidade de combater a obesidade infantil, a ação em parceria com a Unilever se caracterizou como uma  estratégia publicitária que atingiu diretamente as crianças. A empresa utilizou o ambiente da Carreta da Nutrição para expor seus produtos para as crianças, garantindo que, por meio de uma única ação, três públicos fossem atingidos: a criança hoje, o adulto que ela virá a ser e sua família.

Leia aqui a carta enviada pelo Projeto Criança e Consumo na íntegra

3

Foto: Divulgação

X