Notícias

Plano de consumo sustentável passa por nova consulta

Plano de consumo sustentável passa por nova consulta

Plano de consumo sustentável passa por nova consulta

Integrantes do governo federal e da sociedade civil se reúnem, em Brasília, para discutir questões ligadas ao documento.

Por Lucas Tolentino – Editor: Marco Moreira

O Ministério do Meio Ambiente (MMA) consultou, nesta quarta-feira (12/08), órgãos de governo e da sociedade civil para estimular a sustentabilidade nos costumes do brasileiro. Realizada em Brasília, a rodada de debates faz parte da construção do segundo ciclo do Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis (PPCS), previsto para ser lançado até o fim do ano.

Assuntos como regulação da publicidade e combate ao consumismo infantil e ampliação do acesso aos bens, serviços e práticas sustentáveis fizeram parte da pauta da reunião. Além disso, foram discutidos temas ligados à qualificação e divulgação da informação e a identificação e incentivo a iniciativas inovadoras encontradas em diversos setores da sociedade.

Veja mais:
– A proteção do Consumidor e o desenvolvimento sustentável
– Debate: existe um consumo sustentável?

A diretora de Produção e Consumo Sustentáveis do MMA, Raquel Breda, afirmou que o PPCS deve refletir as questões em que há maior necessidade de atuação. “O documento pretende sinalizar as áreas onde é preciso trabalhar melhor, além de trazer indicativo dos resultados que pretendemos alcançar”, explicou. Segundo ela, o consumismo infantil é um dos assuntos que devem ser trabalhados por meio da conscientização adequada.

Além da equipe do MMA, participaram da reunião representantes dos ministérios da Justiça, das Cidades, do Trabalho e Emprego e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Integrantes do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), do Instituto Akatu, do Instituto Alana, da Associação Brasileira das Instituições de Pesquisa Tecnológica e Inovação (ABIPTI), da Associação Brasileira das Indústrias de Produtos de Limpeza e Afins (Abipla) e do Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE) também participaram do encontro.

Foto: Via Flickr Nasa

Texto publicado originalmente no site do Ministério do Meio Ambiente

X