Notícias

A brincadeira e o brinquedo precisam de plástico?

A brincadeira e o brinquedo precisam de plástico?

A brincadeira e o brinquedo precisam de plástico?

Confira o informativo sobre o papel da brincadeira e do brinquedo no desenvolvimento da infância livre de plástico e publicidade infantil

.

Os programas Criança e Natureza, Território do Brincar e Criança e Consumo, iniciativas do Instituto Alana, criam o informativo “A brincadeira e o brinquedo precisam de plástico?” (já pronto para impressão) que traz a importância do brinquedo e da brincadeira no desenvolvimento infantil, além de problematizar os brinquedos de plástico comercializados e muitas vezes publicizados para o público infantil, prática abusiva e ilegal. O setor de brinquedos, por exemplo, é um dos que mais faz publicidade dirigida às crianças, representando 71% da publicidade infantil em monitoramento de canais infantis da TV paga em 2019. E no ambiente digital não é diferente mas, pior, muitas vezes acaba sendo até veladas.

.

Alternativas para os brinquedos de plástico

A brincadeira e o brinquedo são fundamentais para o desenvolvimento infantil, mas não são encontrados apenas nas prateleiras de lojas. Muitos brinquedos estão ao alcance das famílias no entorno ou mesmo dentro de casa. O informativo traz alguns desses exemplos e os seus benefícios, como brinquedos feitos de madeira, utensílios de cozinha, materiais não estruturados – tecidos, cordas e barbantes, por exemplo – elementos naturais e ferramentas, que, com a supervisão de adultos, podem ensinar diversas habilidades motoras e de criatividade às crianças.

.

Infância plastificada

O estudo “Infância plastificada”, feito pelo Grupo de Estudos e Pesquisa em Química Verde, Sustentabilidade e Educação (GPQV), da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), a pedido do Criança e Consumo, aponta que, de todos os brinquedos do mundo, 90% deles são feitos de materiais plásticos. A pesquisa levanta, ainda, a problemática do excesso de brinquedos de plástico na saúde das crianças, podendo conter substâncias tóxicas que podem ser causadoras de câncer e doenças hormonais, bem como seu impacto no meio ambiente. O estudo estimou que, entre 2018 e 2030, serão produzidos 1,38 milhão de toneladas de brinquedos de plástico no Brasil.

 

.

Para acessar o informativo, clique aqui.

.

Leia também

O que é essencial para as nossas crianças?

Tempo e espaço para brincar

X